VITÓRIA DA POPULAÇÃO: juiz determina desocupação do CEMAB

Escola de Taguatinga virou centro das ocupações no DF

O Ministério Público alegou que a ocupação além de ilegal, não passou sequer por assembleia democrática dos alunos. Além disso, com base em relatos e filmagens de vários dos presentes, alegou-se ainda que alguns invasores portavam armas brancas.

Tendo em vista que os debates divergentes quanto a PEC 241 e a Reforma do Ensino Médio não devem tolher o direito de estudo dos demais alunos (situação agravada em vésperas de ENEM), o TJDFT deferiu a liminar de desocupação requerida pelo MPDFT.

Mantenha-se informado

Receba resumos semanais do que aconteceu no Reação Universitária diretamente no seu email

Ou nos acompanhe nas redes sociais